Sobre o Instituto Patrícia Galvão e o Projeto

Sobre este projeto

Tendo em vista que a mídia tem papel crucial na implementação e efetivação de políticas públicas, o Instituto Patrícia Galvão inscreveu o projeto Por uma cobertura jornalística contextualizada, crítica e aprofundada sobre violência contra as mulheres em concurso promovido pelo Fundo Elas em parceria com o Instituto Avon, com recursos do Fundo Fale sem Medo. A proposta foi uma das 31 selecionadas para receber investimento do fundo, que destinou ao todo R$ 3,1 milhões de reais para projetos diversos.

O objetivo do Instituto Patrícia Galvão é contribuir para o aprofundamento do debate sobre a violência contra as mulheres nos meios de comunicação e nas redes sociais, por meio da sistematização e disponibilização de dados, informações e análises estratégicas, além de promover diálogos com profissionais de comunicação e comunicadores independentes sobre a realidade e complexidade do problema. A proposta é que o debate com a imprensa desperte um sentido de urgência do compromisso da mídia para divulgar direitos e serviços, exercer seu papel de fiscalizar as ações do Estado e mostrar que este é um problema social que exige respostas em múltiplas frentes para ser coibido.

Sobre o Instituto Patrícia Galvão – Mídia e Direitos

Organização não-governamental sem fins lucrativos fundada em 2001, o Instituto Patrícia Galvão foi uma das primeiras organizações feministas no país a se estruturar para atuação nos campos dos direitos das mulheres e do debate público através da imprensa.

O Instituto Patrícia Galvão tem como missão contribuir para a qualificação da cobertura jornalística sobre questões críticas que envolvam violações dos direitos das mulheres brasileiras, a fim de influenciar o debate público para demandar respostas do Estado, mudanças na sociedade e na própria mídia.

Entre as atividades que o Instituto desenvolve estão a realização de pesquisas de opinião pública em âmbito nacional; a produção de campanhas publicitárias educativas; e produção de conteúdos para imprensa no formato de dossiês, pautas e notícias.

A Agência Patrícia Galvão, criada em 2009, produz notícias e conteúdos sobre os direitos das mulheres brasileiras para influenciar no comportamento editorial de publicações impressas e digitais sobre problemas, propostas e prioridades que atingem 51% da população do país: as mulheres.

Por meio das ações realizadas nos últimos dezessete anos, o Instituto Patrícia Galvão se tornou uma organização conhecida e reconhecida, que conta com credibilidade e visibilidade no Brasil e no Exterior, tendo desenvolvido um modelo ímpar de atuação em comunicação política e direitos das mulheres.

Entre as atividades do Instituto Patrícia Galvão destacam-se:

Quem foi Patrícia Galvão
Quem foi Patrícia Galvão – O nome do Instituto, e também da Agência, é uma homenagem à jornalista, escritora, ativista política e cultural Patrícia Rehder Galvão, a Pagu (1910-1962), que acreditou que as mulheres deveriam ter um papel mais ativo na esfera pública.